fbpx

Notícias

Compartilhe essa publicação

Terceira edição do Boletim MobiliDADOS apresenta o controle de veículos poluentes como alternativa para melhorar a qualidade de vida nas cidades

Em meio às mudanças no cenário da mobilidade urbana, com o aumento da oferta de carros por aplicativos, o crescimento do uso de bicicletas compartilhadas, a introdução de novas tecnologias para a gestão de grandes volumes de dados do transporte público e a eletrificação de veículos, percebe-se que as nossas cidades ainda precisam lidar com desafios antigos. Apesar das transformações, ainda é necessário que as cidades promovam medidas para tornar os deslocamentos mais limpos, inclusivos, acessíveis e sustentáveis.

Para tratar deste assunto, o Boletim #3: Os carros e a cidade em colapso apresenta um conjunto de experiências que estimulam o uso de modos mais sustentáveis e desestimulam o uso do carro com o objetivo de promover cidades de baixo carbono, menos congestionadas e que priorizam os pedestres, ciclistas e usuários do transporte coletivo. 

A publicação traz dados que mostram como o controle de veículos poluidores é urgente e afeta diretamente o cenário de emergência climática que estamos vivenciando. No Brasil, por exemplo, as pessoas estão deixando de usar o transporte público como solução de mobilidade ao mesmo tempo em que se nota um aumento da taxa de motorização. 

Outro fator que colabora para a urgência do tema é o espaço dedicado para estacionar os veículos, o que influencia diretamente na decisão das pessoas para usá-los. O boletim também explora dados da emissão de gases nocivos ao meio ambiente e as suas relações com a baixa qualidade do ar nas áreas urbanas. 

As recomendações para enfrentar esses problemas são feitas com base em exemplos de cidades que vem adotando medidas para regular e limitar o espaço dedicado aos automóveis. Cidades brasileiras como Fortaleza, São Paulo e Rio de Janeiro já tomaram algumas decisões com o objetivo de diminuir as externalidades geradas pelo uso excessivo dos carros.

Falta apenas um passo para concluir o download

Por favor, inclua os dados solicitados:

Caso não consiga realizar o download, escreva para brasil@itdp.org
Skip to content